20 Coisas para realizar com meus amigos ♥

Nota

Sempre gostei de fazer listas, seja de sonhos, seja de metas, objetivos, músicas, afazeres do dia a dia…

Como hoje, dia 20 de Julho é considerado dia do Amigo, por que não uma lista de coisas que eu quero realizar ao lado dos meus amigos?

A vida é muito curta para ser levada sozinha e viver na individualidade só nos deixa frustrados, afinal é sempre bom ter com quem contar para todas as horas, ter alguém que faça tudo para nos ver sorrir novamente, que enfrente diversas situações bizarras que na maioria das vezes se tornam engraçadas, só para não nos deixar sozinhos. E cá entre nós, diversão nunca fez mal a ninguém!

Algumas das metas listadas já foram realizadas, mas valem a pena fazer novamente. Enfim vamos lá:

  • Viajar para qualquer lugar, ou sem destino;
  • Tomar banho de rio;
  • Fazer rafthing;
  • Acampar;
  • Participar de um lual na praia;
  • Raphel;
  • Corujão em casa/jogatinas;
  • Virar a noite olhando filmes/seriados;
  • Jogar boliche;
  • Cozinhar: Noite da pizza/cachorro quente /janta;
  • Andar de kart;
  • Visitar um orfanato ou um asilo;
  • Assistir ao pôr do sol;
  • Saltar de paraquedas;
  • Jogar paintball;
  • Ir ao Parque de diversões (Leia-se Beto Carreiro xD);
  • Ir ao cinema;
  • Passar as férias na praia;
  • Participar de um festival de música;
  • Ir à barzinhos, jogar conversa fora e filosofar sobre a vida;

Anúncios

Respondendo a Tag – Liebster Award

Padrão

Primeiramente gostaria de agradecer a querida Gio, autora do blog “Florindo de Novo” pelo convite a responder a tag.

Sabemos que já faz um bom tempo que essa tag estava sendo respondida gradativamente pelos blogs e que estou (super) atrasada, contudo achei legal a ideia pelo fato de nos possibilitar a oportunidade de falar sobre si mesmo e o blog no geral assim como conhecer novos blogs conforme a indicação dada ao final.

Enfim, vamos lá 🙂

11 Fatos sobre mim e o blog.

  1. Meu nome é Renata Mariane Ev (Sim, EV é um sobrenome e não está abreviado);
  2. Estou no 5° período da graduação de Direito;
  3. Apesar de fazer faculdade, não acho que é algo essencial para se ter realização pessoal embora que  haja possibilidades de lhe abrir portas para futuro;
  4. Moro em Parobé/RS, (cidade pequena) e gostaria muito mesmo de morar em outro lugar;
  5. Odeio a sensação de estar presa no cotidiano, fazer sempre as mesmas coisas dia após dia. Isso me deixa triste então estou sempre a procura de algo que me motive mesmo que seja apenas uma frase. Gentileza faz sua diferença;
  6. Tenho outro blog (blogspot), o “All you need is read” que era pra ser literário, mas não deu muito certo e pretendo excluí-lo;
  7. Tenho vontade enorme de viajar e conhecer inúmeros lugares pelo mundo, entretanto como minha perspectiva no momento requer humildade, me contento em sonhar com essa meta;
  8. Sou mais tímida do que deveria se for pra conhecer pessoas novas,mas tenho a sensação de ser um livro aberto em relação a outras pessoas;
  9. Eu não funciono sem café²;
  10. Gosto de ficar sozinha, de um tempo só meu com minha própria companhia, principalmente quando estou produzindo algo, o que não quer dizer que não tenho amigos e que não goste de socializar;
  11. Eu amo a noite e sempre durmo tarde apesar de me arrepender no dia seguinte ao acordar cedo. O silêncio da madrugada é o melhor horário para se trabalhar, ler um livro ou produzir algo;
Perguntas
  • Por que criou esse blog? 

Criei o blog com o intuito de me divertir. Compartilhar o pouco do conhecimento que tenho através de coisas que acho interessantes, sentimentos que me movem e principalmente aprender coisas novas, seja sozinha ou se possível com outras pessoas.

  • Em que consiste o seu blog?

Inspiração, fazer algo de bom mesmo que não seja muito importante aos olhos de outra pessoa, de maldade o mundo já está cheio. Considero meu blog pessoal e como disse estou sempre tentando ver motivação nas coisas, acho que é nisso que me espelho.

  • Qual significado do nome do teu blog?

Na verdade o nome do blog é bem comum. “Inspira Menina!” Não tem nenhum significado além do fato de eu tentar instigar, mesmo que de uma forma meio tosca, a mover inspiração em outras pessoas e principalmente dentro de mim; Mostrar coisas bonitas; Dizer “- Ei, talvez isso não seja muito importante para você, mas quero tornar teu dia mais leve e talvez te fazer sorrir”; Transformar em palavras aquilo o que estava sentindo ou pensando, assim como o fato de poder compartilhar ideias e sugestões. Foi mais ou menso nisso que pensei quando escolhi o nome

  • O que te levou a criar o blog?

Sempre quis ter um blog, desde quando tinha uns quinze anos e descobri o que era um blog. Acho legal ter um lugar onde tu possa te expressar de uma maneira direta e através disso conhecer novas pessoas que se identificam com seus pensamentos e opiniões, assim como também, pessoas que possuem um ponto de vista diferente e que possam te ensinar algo através de uma crítica construtiva ou um post que trata de um mesmo assunto visto com um olhar diferenciado, e etc.

  • Qual o tipo de post que prefere escrever?

No momento meu blog consiste em textos e indicações, mas como disse num post anterior, no período que estive ausente pensei em outros assuntos e novas de ideias para o conteúdo, então creio que daqui pra frente será de assuntos variados.

  • Tem algum canal do YouTube associado ao blog? Se sim, põe o link.

Não tenho. Quem sabe uma possibilidade, mas no momento não.

  • Quem são tuas fontes de inspiração?

Qualquer coisa na verdade, além do fato de tentar fazer o dia de alguém melhor e me sentir feliz em estar compartilhando algo que acho interessante, ou até mesmo ajudando em algum aspecto.

  • Qual sua primeira impressão quanto ao blog que te nomeou?

O blog “Florindo de Novo” é lindo, a Gio é uma fofa e uma menina de muito talento que escreve textos sensíveis, de uma delicadeza ímpar com maestria. Impossível não se identificar com um dos meus textos preferidos do blog, o “Sobre ser Flor” que compara e reflete com tamanha delicadeza sobre a vida e nossas relações, que ao meu ver nós ao longo de nossa vivência vamos plantando sementinhas, seja de paz, amor, felicidade, ódio ou rancor do qual a vida se encarregará de nos retribuir aquilo que exalamos, por isso é importante cuidar de si e das pessoas que cuidam e se importam conosco, as que estarão sempre ao nosso lado. E que também, sempre teremos momentos  de altos e baixos mas nenhum problema durará eternamente, sempre podemos nos reerguer mais fortes e com mais sabedoria, ou como ela costuma escrever “- logo o seu inverno acaba e você estará florindo de novo.” ❤

  • O que pretende melhorar no teu blog?

Assim como já havia dito mais acima, tenho algumas ideias em relação ao conteúdo. Pretendo diversificar um pouco e falar de assuntos que ainda não abordei como coisas que me deixam feliz e fazem do meu dia a dia melhor, assim como também, pretendo melhorar partes mais técnicas relacionados ao blog na medida em que vou aprendendo.

  • Se vê fazendo isso daqui a alguns anos?

Não sei o que será do futuro, acho que apenas me vejo exercendo alguma profissão no ramo do Direito, e também não tenho certeza se daqui a dez anos eu ainda estarei dando continuidade ao blog. Espero que sim.

  • Um conselho para os principiantes no mundo dos Blogs?

Não sou a melhor pessoa a dar conselhos no momento, afinal faz pouco tempo que o criei e também estive ausente por um período. Mas o que sempre tento fazer quando penso em escrever no blog é em ser eu mesma através das coisas que escrevo, do que faço, do que sugiro, do que compartilho. Procure ser positivo,  gentil e não se atenha a críticas, sei que nesse mundo virtual há pessoas maldosas mas também há muitas pessoas boas e legais por aí.

REGRAS:

  1. Responder todas as perguntas; ✓
  2. Indicar no mínimo 11 blogs com menos de 200 seguidores para responder essa Tag; ✓
  3. Colocar o selo da Tag; ✓
  4. Colocar o link de quem te indicou; ✓
  5. Seguir meu blog; ✓
  6. Comentar aqui com o link do seu blog quando responder a Tag, para que possamos ler as respostas de vocês. ✓

E tudo vai indo bem…

Padrão

Olá. Acho que devo uma explicação ao fato de não ter estado mais presente por aqui como deveria (e gostaria).

A premissa do blog desde o início foi sempre mantê -lo enquanto não interferisse nas minhas responsabilidades do dia a dia. Não estou dizendo que irei desistir, longe disso, acontece que nesse período em que estive ausente passei por situações que agregaram uma carga de estresse tão grande que posso dizer que tive um certo bloqueio criativo em meio a leituras (boring) obrigatórias.

Eu queria postar, andava me sentindo culpada por deixar esse espaço tão pessoal em segundo plano, e posso dizer que também me deixei em segundo plano. Foram muitas horas de sono privado, má alimentação, cansaço e stress tentando dar conta das responsabilidades com o lugar onde trabalho, as incomodações com a auto escola e principalmente com minha graduação. Quando sobrava um tempinho o que eu mais queria era dormir ou simplesmente espairecer a cabeça. No fim deu tudo certo dei meu jeito, e ao saber que passei nas cinco disciplinas aos trancos e barrancos, senti a mesma sensação de vitória e felicidade que o Rocky Balboa com a cara toda quebrada. Não estou tentando vitimizar, sei que todos nós temos fases difíceis e ninguém morreu por isso, mas que eu estou ainda me recuperando e tentando organizar as coisas em seu devido lugar é fato, quero deixar claro que é apenas um esclarecimento.

Não prometo que irei escrever sempre, mesmo porque eu ainda tenho algumas pendências para resolver e não sei como tudo irá se desenrolar, mas pretendo aproveitar otimizando o tempo das minhas férias da faculdade. Uma das únicas coisas que pude fazer e que estou feliz por isso em relação ao blog foi listar todas as ideias que iriam surgindo, até as mais bobinhas, então significa que tenho conteúdos pré determinados e que virão novidades.

Espero que compreendam.

Com carinho, Renata <3.

“Visão do espaço estamos tão distantes, se acelero os passos sigo a voz do meu coração.
Ontem eu fui dormir mais tarde um pouco;
E tudo vai indo bem…
Venço o cansaço e o medo do futuro;
No teu abraço é que encontro a cura do mal

Hoje eu acordei te quis por perto.
E você não sai do meu pensamento e eu me questiono aqui se isso é normal.
Não precisa ser de novo assim tudo igual.”

Enfrente!

Padrão
trying

Imagem: Adam J. Kurtz.

E quando chega um momento na vida que você pensa que não é capaz de fazer algo, de conquistar um objetivo? Quando a insegurança é tamanha que o simples ato de errar lhe parece intolerável?

Acalme-se, já dizia o autor “As únicas pessoas que nunca fracassam são as que nunca tentam” – Gabriel Garcia Marques.

Digo que não é cabível tanta insegurança. Tenha coragem VOCÊ É CAPAZ SIM! Você é capaz de tudo, até do impossível se lhe parecer viável. Independente do que faça, das suas escolhas, continue, mesmo que você não consiga na primeira tentativa não tenha medo de errar, é assim mesmo não se cobre tanto. Nossa escolhas não são fáceis e talvez seja por isso que elas nos definem.

Lembre-se sempre de que a prática, o foco, a dedicação levam a perfeição, então tente, uma, duas, até o infinito de vezes só não desanime você consegue, afinal haverá situações na vida que não podemos simplesmente fugir, o único caminho é enfrentar e você tem mais capacidade e força do que pensa para realizar seus sonhos.

 

Amar é… por Puuung

Padrão

11011643_935761776456528_3546558403083340041_o “O Amor é algo que todo mundo pode se relacionar. E Amor vem em formas que podemos facilmente negligenciar em nossas vidas diárias. Então, eu tento encontrar o significado do amor em nossas vidas diárias e transformá-la em obra de arte.“ – Puuung.

Esses dias, me deparei com o seguinte post de autoria do blog “Razões para acreditar” que nos apresenta uma série de ilustrações incríveis, de uma sensibilidade ímpar, fruto do projeto de Puuung. Essas e muitas outras imagens podem  ser conferidas através do site Grafolio.

As seguintes imagens retratam os gestos de carinho que recebemos de pessoas que amamos no dia a dia, gestos simples que muitas vezes passam despercebidos devido a correria e a rotina. Retrata que o amor é convivência, o suportar, querer bem a pessoa que está a seu lado, é um exercício de construção a cada gesto, e que é nas pequenas coisas que ele se encontra.

Garanto que irão se identificar, inspirem-se.   11180302_937850912933699_7980079390072293209_n 1939838_753191594713548_5082568532226784155_n 10683592_868806646485375_3938619759173854997_o 1012973_864448226921217_6676544114877660753_n 10649525_808850319147675_2000035001549792500_n 10247431_740003446032363_245650215594426040_n 11069898_937850949600362_67562731926382271_n     10603853_847931095239597_4483094303361702261_o 247091_843703442329029_2519002814528911483_n 1926678_708153489217359_1275440473_n 10553496_793861693979871_1347120225222522205_n 10408650_754756497890391_666342702167672693_n 10497349_775828659116508_8651001684187506438_o 11207369_937850926267031_4358776734847435519_n 11168004_937850906267033_4970624932078349420_n 11201888_937850946267029_7383980118223141853_n 10995653_937850939600363_7396196360374853331_n 10175973_729816243717750_426112149_n 10995554_937850942933696_9027072099850461119_n 1796551_708154165883958_695908374_n

Adeus ano velho

Padrão

o que planejei o que aconeceu

O ano de 2014 começou como algo incerto e analisando até aqui vejo como foi intenso, no início eu me via como apenas uma menina ingênua cheia de sonhos nos braços, grandes demais para que eu pudesse carregar sozinha.

Por conta da situação em que estava me sentia frustrada e triste, pois me decepcionei com algumas pessoas do qual nunca souberam me respeitar como um ser digno, mas nada foi mais difícil do que ficar doente, ainda mais quando tive a infelicidade de estar nas mãos de maus profissionais, aqueles mesmo que só se interessam pelo dinheiro e não dão a mínima ao bem estar do paciente com exceção de um,  outros médicos que consultei, por má vontade não sabiam (não queriam) me orientar corretamente acerca do tratamento, nunca tinha me sentido tão perdida e humilhada, que somado a toda cobrança das responsabilidades que a faculdade me exigia, tive crises depressivas. Hoje estou curada, depois de muita pesquisa sobre o assunto, força de vontade e tratamentos alternativos, procurando levar uma vida mais saudável e organizada.

Sem dúvidas foram fases difíceis, mas felizmente passou e não vale apena encarar como lembrança e sim como aprendizado. Conhecem esses clichês? “O saber dizer NÃO”; “Respeito, amor e conhecimento próprio”; “Cuidar mais de mim”; “Respeitar meus limites”; “Não julgar”; “Não ser preconceituosa”; “Crescimento Pessoal”; “Enfrentar meus medos” da pior forma possível aprendi seus verdadeiros significados.


let go let behahaha, frase aleatória de efeito do facebook

Por sorte, tenho uma família unida que me apoiou o tempo todo, eu realmente não sou nada sem eles, foi com essas pessoas que aprendi desde pequenininha os valores que estimo, sou muito grata por isso. Minha mãe é a pessoa mais maravilhosa que conheço, sempre quando era necessário, ela sabia falar o que eu precisava ouvir, mesmo que no momento eu não aceitasse.

A vida não é de todo ruim, há muitos momentos bons, desses que nos fazem enxergar a beleza que é viver. Descobri a sensação do que é ser amada, meu namorado foi talvez a peça chave de toda a minha recuperação física e mental, acertei o pulo quando o escolhi para amar, em meio a alguns desentendimentos, ele sempre esteve ali ao meu lado, sendo em primeiro lugar meu amigo, cuidando de mim, me fazendo rir mesmo nas piores situações em que minha vida se encontrava. Também ganhei o presente mais lindo de todos, um sobrinho, é inexplicável a sensação que eu senti ao ver aquele ser tão pequenininho e frágil pela primeira vez, foi um anjo que veio para encher nossa casa de alegria, amor, união e paz. E somado a tudo isso, a mudança definitiva de emprego que foi uma das melhores decisões que tive até agora, uma oportunidade incrível, onde conheci pessoas maravilhosas e fiz amigos que levo no coração.

Tudo isso fez com que, trouxesse de volta a felicidade plena, eu me visse como alguém capaz, sorrisse por nada, mesmo nos momentos de fraqueza aprendi a ver como apenas provações, que com um pouco de persistência no final deu tudo certo. A vida tem dessas, altos e baixos que nos fazem abrir os olhos para a realidade e cabe a nos escolhermos o caminho que acreditamos encontrar a felicidade.

Ainda não sei o que o ano de 2015 irá me reservar, tenho certeza que será um ano de muito trabalho, de muito estudo e crescimento, apenas resta-me continuar persistindo em meus sonhos, traçar metas para que possa alcança-los, continuar enfrentando meus medos, sendo grata a minha família e aos amigos que conquistei, por minha saúde e por minha vida.


"Se for pra tudo dar errado quero que seja com você..."

Um oi em meio a outras coisas.

Padrão

E num dia qualquer, especificadamente numa segunda-feira quente e ensolarada, resolvi por em prática uma ideia do qual eu vinha a tempos pensando na possibilidade.

O fato de criar um espaço onde eu possa me expressar, compartilhar algum conhecimento, ou simplesmente escrever alguma ideia aleatória que me faça sorrir, soa-me como algo inspirador, então resolvi deixar de procrastinar e finalmente por em prática a ideia de criar um blog.

Espero que gostem e se identifiquem com esse espaço.

Um grande abraço! ♥


“Esse é o começo de algo belo, esse é o começo de algo novo”.